Arch Linux

Arch Linux e baseados nele

Instalar Arch Linux Facilmente

Instalar Arch Linux em modo BIOS Boot 

(Tutorial para HD vazio, e VM)

Obs.: Na BIOS/UEFI na aba Boot ligue todas as opções Legacy em Legacy Only, sua instalação deve ser modo BIOS abaixo:
# = você deve estar logado como root (não digite este símbolo a não ser pra comentar nos editores de texto se precisar)
Ligue o DHCP:
# systemctl start dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua.
Teste a conexão: 
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
Torne a instalação padrão seu teclado (descubra o padrão do teclado de seu país, usarei o brasileiro):
# loadkeys br-abnt2
Faça as partições com gdisk:
Se o HD estiver vazio: gdisk /dev/sdx
Crie uma nova tabela de partição GPT com o e aperte Enter.
Criando a partição a Boot
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição EFI ou Boot:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Digite +512M para a partição Boot seja de 512 MB
Aperte Enter para confirmar
Escolha o tipo de partição digitando: ef02
Aperte Enter para confirmar.
Criando a partição swap
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição swap:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Digite +8G (se sua memória RAM for até 4 GB coloque o dobro de sua RAM, se for de 8 a 12 GB coloque +8G, ou se for usuário avançado não use swap de acordo com teus conhecimentos à respeito).
Aperte Enter para confirmar
Escolha o tipo de partição digitando: 8200
Aperte Enter para confirmar.
Criando a partição root
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição root:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Se quiser o resto do HD como partição Root aperte Enter para pular de novo. Se quiser escolher manualmente um valor digite exemplo +100G para a partição root seja do tamanho desejado em GB e aperte Enter para confirmar se fez assim manual, senão já pulou e escolheu o resto do HD como instruido no início deste parágrafo.
Escolha o tipo de partição digitando: 8300
Aperte Enter para confirmar.
Para salvar aperte ctrl+x e digite y para sim e aperte Enter para confirmar.
X = a letra de tua partição exemplo: sdx = tua partição sda
Formatar EFI ou Boot para FAT32:
mkfs.fat -F32 /dev/sdx1
para EXT4:
mkfs.ext4 /dev/sdb3
Partição SWAP:
# mkswap /dev/sdb2
# swapon /dev/sdb2
Montando partição para modo BIOS:
Monte root:
# mount /dev/sdb3 /mnt
# mkdir /mnt/home
# mkdir /mnt/boot
Monte Boot:
# mount /dev/sdb1 /mnt/boot/
Instalção do sistema base em /mnt, quanto mais rápida a internet mais rápido terminará.
# pacstrap /mnt base base-devel
Gere o fstab: 
# genfstab /mnt >> /mnt/etc/fstab
Ver como ficou o fstab:
# cat /mnt/etc/fstab
O sistema base foi instalado agora configure-o entrando nele em /mnt com:
# arch-chroot /mnt
Agora dentro configure com:
Listar dos modelos de teclados (i386 ou sua arquitetura):
# ls /usr/share/kbd/keymaps/i386/qwerty
Usarei o brasileiro com mais teclas br-abnt2:
# loadkeys br-abnt2
Para a Linguagem abra o arquivo locale.gen com:
# nano /etc/locale.gen
Ache a linha: #pt_BR.UTF-8 UTF-8
E descomente, apagando o simbolo: # (Ou utilize Ctrl+w para procurar).
Salve com: Ctrl+x
Para confirmar: y
Aperte: Enter
Tendo salvado digite: 
# locale-gen
# echo LANG=pt_BR.UTF-8 > /etc/locale.conf
Defina a senha root: 
# passwd 
Digite a senha de sua escolha aperte ENTER e repita a senha e Enter.
Placa de rede :: Vamos deixar instalado e funcionando nossa conexão sem fio para não termos problemas depois do primeiro reboot:
# pacman -S wireless_tools wpa_supplicant wpa_actiond dialog
Baixando e instalando grub:
pacman -S grub
modo Bios:
Instalar em modo BIOS: grub-install –target=i386-pc –recheck /dev/sdX
Levantando sistema: 
# mkinitcpio -p linux
# grub-mkconfig -o /boot/grub/grub.cfg
Feito isso, pode sair do chroot, usando o comando: 
# exit
Desmontar todas partições: 
# umount -a
Lembrando que agora está tudo instalado e vamos dar início à pós-instalação do Arch Linux. 
# reboot
Reinicie a máquina e remova o pendrive ou DVD e na BIOS dá enter no 1st boot e escolha o Hard drive que instalou
PÓS-INSTALAÇÃO
Depois de reiniciar a máquina, está quase pronto.
Se funcionou aprecerá algo como:
Login: root
Senha: a senha q vc criou pra root/UNIX
# systemctl start dhcpcd # Habilita o dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua
Testando a conexão:
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
# loadkeys br-abnt2
INSTALANDO PACOTES ESSENCIAIS
Drive de som:
# pacman -S alsa-utils
Xorg ( Se for em VM escolha só a opção q não tem o nome de sua placa de vídeo para não dar conflito com o driver da placa, se for físico escolhas as opções de sua placa):
# pacman -S xorg-server xorg-xinit xorg-server-utils xorg-twm xorg-xclock xterm
Suporte ao 3D:
# pacman -S mesa
Driver de vídeo:
Descubra sua placa abaixo e instale só o driver dela abaixo:
# lspci | grep VGA
Instalando drive de vídeo de acordo com sua placa (instale o de nome de sua placa):
ATI:
# pacman -S xf86-video-ati
Intel:
# pacman -S xf86-video-intel
NVIDIA:
Driver open source
# pacman -S xf86-video-nouveau
Driver Nvidia
# pacman -S nvidia
Se for uma máquina virtual, use o driver de vídeo genérico:
# pacman -S xf86-video-vesa
Instalando touchpad:
# pacman -S xf86-input-synaptics
Agora é escolher um ambiente gráfico (GNOME, LXDE, XFCE, KDE, etc…).
Usarei o XFCE:
Instalando ambiente gráfico:
# pacman -S xfce4 xfce4-goodies
Pacotes básicos:
# pacman -S ttf-dejavu ntfs-3g unrar p7zip partitionmanager chromium flashplugin vlc
Instalar suporte a FAT32 e MSDOS
pacman -S dosfstools
Gerenciador de login:
# pacman -S gdm && systemctl enable gdm
Instale o networkermanager:
pacman -S networkermanager
systemctl enable NetworkerManager.service
systemctl start NetworkerManager.service
Agora, reinicie a máquina:
# reboot
Reiniciado digite:
# systemctl start dhcpcd # Habilita o dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua
Testando a conexão:
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
ADICIONANDO USUÁRIO
Abra o terminal e digite:
# useradd NOMEDOUSUARIO
# mkdir /home/NOMEDOUSUARIO
# passwd NOMEDOUSUARIO # Definindo senha
# chown username /home/NOMEDOUSUARIO
# chgrp NOMEDOUSUARIO /home/NOMEDOUSUARIO
Após Logar no Gerenciador de Logins
Configurar sudo:
nano /etc/sudoers
ache “root” ALL=(ALL) ALL
coloque “seuusuário” ALL=(ALL) ALL
ctrl + x, y, Enter
Habilitar multilib e yaourt:
nano /etc/pacman.conf
apague o “#” do multilib para habilitá-loadicione o yaourt:
[archlinuxfr]
SigLevel = Never
ctrl + x, digite y para Sim, aperte Enter
Instale o yaourt:
sudo pacman -S yaourt
sudo pacman -Sy
sudo pacman -Sy && yaourt -Sy
Escolha o teclado de seu país:
Vá em Configugrações / Teclado / Disposição, desmarque usar “Padrão do Sistema” e adicione o padrão que quer usar e remova os que não quiser usar.
BIBLIOGRAFIA
GamerCleanVic, minhas modificações e gambiarras nesta instalação

Instalar Arch Linux em modo UEFI (Tutorial para HD vazio)

Obs.: Na BIOS/UEFI na aba Boot ligue todas as opções UEFI em UEFI Only, sua instalação deve ser modo UEFI abaixo:
# = você deve estar logado como root (não digite este símbolo a não ser pra comentar nos editores de texto se precisar)
Lihgue o DHCP:
# systemctl start dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua.
Teste a conexão: 
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
Torne a instalação padrão seu teclado (descubra o padrão do teclado de seu país, usarei o brasileiro):
# loadkeys br-abnt2
Faça as partições com gdisk:
Se o HD estiver vazio: gdisk /dev/sdx
Crie uma nova tabela de partição GPT com o e aperte Enter.
Criando a partição EFI ou a Boot
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição EFI ou Boot:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Digite +512M para a partição EFI ou Boot seja de 512 MB
Aperte Enter para confirmar
Escolha o tipo de partição (ef00 se pra usar EFI) digitando: ef00
Aperte Enter para confirmar.
Criando a partição swap
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição swap:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Digite +8G (se sua memória RAM for até 4 GB coloque o dobro de sua RAM, se for de 8 a 12 GB coloque +8G, ou se for usuário avançado não use swap de acordo com teus conhecimentos à respeito).
Aperte Enter para confirmar
Escolha o tipo de partição digitando: 8200
Aperte Enter para confirmar.
Criando a partição root
Digite n e aperte Enter para criar uma nova partição root:
Enter para pular
Enter para pular de novo
Se quiser o resto do HD como partição Root aperte Enter para pular de novo. Se quiser escolher manualmente um valor digite exemplo +100G para a partição root seja do tamanho desejado em GB e aperte Enter para confirmar se fez assim manual, senão já pulou e escolheu o resto do HD como instruido no início deste parágrafo.
Escolha o tipo de partição digitando: 8300
Aperte Enter para confirmar.
Para salvar aperte ctrl+x e digite y para sim e aperte Enter para confirmar.
X = a letra de tua partição exemplo: sdx = tua partição sda
Formatar EFI ou Boot para FAT32:
mkfs.fat -F32 /dev/sdx1
Formatar Root para EXT4:
mkfs.ext4 /dev/sdb3
Partição SWAP:
# mkswap /dev/sdb2
# swapon /dev/sdb2
Montando partição para modo EFI:
Monte root:
# mount /dev/sdb3 /mnt
# mkdir /mnt/home
# mkdir /mnt/boot
# mkdir /mnt/boot/efi
Monte EFI em /:
# mount /dev/sdb1 /mnt/boot/efi
Instalção do sistema base em /mnt, quanto mais rápida a internet mais rápido terminará.
# pacstrap /mnt base base-devel
Gere o fstab: 
# genfstab /mnt >> /mnt/etc/fstab
Ver como ficou o fstab:
# cat /mnt/etc/fstab
O sistema base foi instalado agora configure-o entrando nele em /mnt com:
# arch-chroot /mnt
Agora dentro configure com:
Modelos de teclados (i386 ou sua arquitetura):
# ls /usr/share/kbd/keymaps/i386/qwerty
Escolhi brasileiro com mais teclas br-abnt2:
# loadkeys br-abnt2
Para a Linguagem abra o arquivo locale.gen com:
# nano /etc/locale.gen
Localize a linha: #pt_BR.UTF-8 UTF-8
E descomente, apagando o simbolo: # (Pode utilizar Ctrl+w para procurar).
Salve com: Ctrl+x
Para confirmar: y
Aperte: Enter
Tendo salvado digite: 
# locale-gen
# echo LANG=pt_BR.UTF-8 > /etc/locale.conf
Defina a senha root: 
# passwd
Digite a senha de sua escolha aperte ENTER e repita a senha e Enter.
Placa de rede :: Vamos deixar instalado e funcionando nossa conexão sem fio para não termos problemas depois do primeiro reboot:
# pacman -S wireless_tools wpa_supplicant wpa_actiond dialog
Baixando e instalando grub:
pacman -S grub efibootmgr
Instalar em modo EFI: grub-install –target=x86_64-efi
Ou
grub-install –target=x86_64-efi –efi-directory=/boot/efi –bootloader-id=arch –recheck
Levantando sistema: 
# mkinitcpio -p linux
# grub-mkconfig -o /boot/grub/grub.cfg
Feito isso, pode sair do chroot, usando o comando: 
# exit
Desmontar todas partições: 
# umount -a
Lembrando que agora está tudo instalado e vamos dar início à pós-instalação do Arch Linux. 
# reboot
Reinicie a máquina e remova o pendrive ou DVD e vá na BIOS e escolhar o nome arch na aba Boot como 1st. Salve e saia.
PÓS-INSTALAÇÃO
Depois de reiniciar a máquina, está quase tudo pronto.
Se deu certo deve estar com algo na tela como:
Login: root
Senha: sua_senha_root
# systemctl start dhcpcd # Habilita o dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua.
Testando a conexão:
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
# loadkeys br-abnt2
INSTALANDO PACOTES ESSENCIAIS
Drive de som:
# pacman -S alsa-utils
Xorg (escolha só a opção q não tem o nome de sua placa de vídeo para não dar conflito com o driver da placa):
# pacman -S xorg-server xorg-xinit xorg-server-utils xorg-twm xorg-xclock xterm
Suporte ao 3D:
# pacman -S mesa
Driver de vídeo:
Descubra sua placa abaixo e instale só o driver dela abaixo:
# lspci | grep VGA
Instalando drive de vídeo de acordo com sua placa
ATI:
# pacman -S xf86-video-ati
Intel:
# pacman -S xf86-video-intel
NVIDIA:
# pacman -S xf86-video-nouveau
Ou:
# pacman -S nvidia
Se for uma máquina virtual, use o driver de vídeo genérico:
# pacman -S xf86-video-vesa
Instalando touchpad:
# pacman -S xf86-input-synaptics
Agora é escolher um ambiente gráfico (GNOME, LXDE, XFCE, KDE, etc…).
Usarei o XFCE:
Instalando ambiente gráfico:
# pacman -S xfce4 xfce4-goodies
Pacotes básicos:
# pacman -S ttf-dejavu ntfs-3g unrar p7zip partitionmanager chromium flashplugin vlc
Instalar suporte a FAT32 e MSDOS
pacman -S dosfstools
Gerenciador de login:
# pacman -S gdm && systemctl enable gdm
Instale o networkermanager:
pacman -S networkermanager
systemctl enable NetworkerManager.service
systemctl start NetworkerManager.service
Agora, reinicie a máquina:
# reboot
# systemctl start dhcpcd # Habilita o dhcpcd 
espere 3 min. e:
Ligar rede sem fio: 
# wifi-menu
Vai aparecer uma lista de redes disponíveis aí escolhe a sua
Testando a conexão:
# ping -c3 google.com
# ping -c3 8.8.8.8
ADICIONANDO USUÁRIO
Abra o terminal e digite:
# useradd NOMEDOUSUARIO
# mkdir /home/NOMEDOUSUARIO
# passwd NOMEDOUSUARIO # Definindo senha
# chown username /home/NOMEDOUSUARIO
# chgrp NOMEDOUSUARIO /home/NOMEDOUSUARIO
Após Logar no Gerenciador de Logins
Configurar sudo:
nano /etc/sudoers
ache “root” ALL=(ALL) ALL
coloque “seuusuário” ALL=(ALL) ALL
ctrl + x, y, Enter
Habilitar multilib e yaourt:
nano /etc/pacman.conf
apague o “#” do multilib para habilitá-lo
adicione o yaourt:
[archlinuxfr]
SigLevel = Never
ctrl + x, digite y para Sim, aperte Enter
Instale o yaourt:
sudo pacman -S yaourt
sudo pacman -Sy
sudo pacmaSy && yaourt -Sy
Escolha o teclado de seu país:
Vá em Configugrações / Teclado / Disposição, desmarque usar “Padrão do Sistema” e adicione o padrão que quer usar e remova os que não quiser usar.
BIBLIOGRAFIA
GamerCleanVic, minhas modificações e gambiarras nesta instalação

Tutorial para HD vazio (pode adaptá-lo para dual boot)